Turismo em Santa Catarina não será o mesmo, afirma Mané Ferrari, Presidente da Santur
Live, com jornalistas das Abrajet’s do PR, SC, RS e convidados, o Presidente da Santur, Mané Ferrari

Turismo em Santa Catarina não será o mesmo, afirma Mané Ferrari, Presidente da Santur

Por meio de uma Live, realizada dia 24 de setembro, a Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo – ABRAJET  Santa Catarina, promoveu uma entrevista com Mané Ferrari, Presidente da Santur – Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina. A Live teve a participação de jornalistas de Turismo das Abrajet’s do Sul, que agrega os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

A pauta da entrevista, abordou como tema: “A retomada do turismo durante e pós-pandemia, as expectativas para a temporada de verão no estado de Santa Catarina, além de outros assuntos ligados à economia que gira em torno do setor do turismo.

Na abertura dos trabalhos, com o jornalista Evandro Novak, presidente da Abrajet Nacional, o presidente da Santur, fez uma explanação sobre os projetos do órgão para o Turismo de Santa Catarina, de um modo geral.

Anunciou uma forte presença da secretaria de Estado da Infraestrutura na recuperação  e contenção de encostas nos pontos críticos ao longo da rodovia do Rio do Rastro.

Na presidência da Agência desde 17 de março (assumiu o cargo junto com a pandemia), disse que nesses meses “o turismo não foi esquecido” e que a Santur se uniu ao trade para “construirmos juntos esse novo ciclo de turismo que está começando”.

Para ajudar os empreendimentos do turismo, em breve será lançado um site que vai reunir num portal todas as informações turísticas do Estado. “Parques temáticos, hotéis, restaurantes, atrações, tudo estará ali, como também, as promoções e descontos que esses parceiros estarão oferecendo aos turistas”, disse Ferrari.

SINALIZAÇÃO TURÍSTICA FACILITARÁ A VINDA DOS ARGENTINOS AO ESTADO

Ele cita que em breve todas as regiões de Santa Catarina vão ganhar uma “nova sinalização turística, trilíngue e com padrões internacionais num investimento de R$ 22 milhões de reais.

Segundo ele, essa sinalização era uma demanda de todo o trade e que acaba com uma dificuldade principalmente dos argentinos que tinham dificuldades de chegar a Santa Catarina. Sobre isso, Mané revelou que a Santur foi a Dionísio Cerqueira e atravessou para o lado argentino com o prefeito e outras pessoas e pediu para ele chegar à sua cidade. “Se perderam três vezes”, contou. A nova sinalização, garante, vai acabar com isso.

O presidente aproveitou a entrevista para informar que todas as regiões de Santa Catarina deixaram a situação de estado gravíssimo e com isso “os hotéis já podem ampliar a oferta dos apartamentos para 70%”.

E ressaltou que “ Santa Catarina recebeu o selo Safe Travels do World Travel & Tourism Council”,  como o segundo estado brasileiro mais seguro para se fazer turismo durante a pandemia.

NOVO ACESSO AO AERPORTO HERCÍLIO LUZ FACILITA O TRÂNSITO DE TURISTAS

Contou, ainda, que foi inaugurado, na manhã da última do dia (24) de setembro,  o novo acesso ao aeroporto e à região sul de Florianópolis, um trecho de oito quilômetros, a maior parte duplicada, que vai facilitar a conexão da capital catarinense ao Floripa Airport. Aeroporto que na opinião de Ferrari vai ser fundamental para incrementar não só o turismo nacional, mas o internacional também.

Questionado sobre os argentinos que, segundo ele, que representam 60% dos turistas do Estado, “sabemos que por um período o turismo será regional mas acreditamos que em pouco tempo começaremos a receber turistas dos países vizinhos”. Revelou que a Santur está em contato para viabilizar voos charters do Chile.

CAMINHOS DOS IMIGRANTES TERÁ TURISMO FERROVIÁRIO

E uma nova atração está saindo do papel em Santa Catarina, o Caminho Rio do Peixe. Segundo o sócio proprietário do Hotel Renar, de Fraiburgo, Edson Ziolkowski, “vamos reativar um roteiro de trem entre o Vale do Iguaçu e o Vale do Uruguai de 342 quilômetros, envolvendo trinta cidades de dezesseis municípios”.

Para Mané Ferrari isso vem ao encontro “do que estamos propagando pela Santur que Santa Catarina é serra, cânions, águas termais e até praia”.

O Presidente da Santur, Mané Ferrari, lembrou que o governo do Estado, publicou dia 24 de setembro, novas regras de segurança para o enfrentamento ao Covid-19.

Para o setor do Turismo em geral, as regras de segurança para todos os segmentos da atividade são as seguintes:

– A Santur elaborou um Manual de orientação para o setor hoteleiro elaborador por um Grupo de Trabalho em parceria da Santur com o “trade turístico” para combater a crise;

– A Santur já está editando Boletins informativos semanais voltados para o setor Pesquisa de impacto no Estado Articulação com Ministério do Turismo sobre linhas de crédito (Fungetur) e canais de negociação entre consumidor e empresas do setor Retirada segura dos turistas estrangeiros do estado.

Os detalhes sobre essas  regras estão contidas em portaria divulgada estão no site: www.coronavirus.sc.gov.br

A entrevista que começou às 19 horas, durou pouco mais de uma hora, e contou com a participação do presidente da Abrajet SC, Gilberto Gonçalves, do Diretor Financeiro da Abrajet Nacional, Jean Luiz Féder; do presidente da Abrajet Nacional, Evandro Novak, da diretora secretária da Abrajet Nacional, Maely Silva; da diretora secretária Abrajet Santa Catarina, Silvia Nowalski, da diretora secretária da Abrajet  RS, Neneca Campos, e do Diretor da Região Sul da Abrajet Nacional , Lúcio Colombo e convidados.

Texto: Lúcio Colombo, associado da ABRAJET SC e Jean Luiz Féder, associado da ABRAJET PR

Fechar Menu